Por que o impasse alemão não vira uma crise?