reuniao-1-1O SINPOL-RN, como membro integrante do Fórum Estadual dos Servidores do RN, participou, na tarde desta segunda-feira (24), de uma reunião com o governador Robinson Faria e com secretários de Estado. Representantes de várias entidades sindicais e associações entregaram uma carta elaborada por eles com cobranças ao Governo e com sugestões para a crise financeira, especificamente para o pagamento em dia dos salários dos servidores.
O documento foi confeccionado na semana passada, sendo endereçada ao governador Robinson, mas também com cópias a outros órgãos, como Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado.
Ele tem como propósito um esforço comum envolvendo todos os poderes para que o Executivo volte a pagar os servidores em dia. Dentre as propostas está a repactuação do duodécimo, bem como a devolução de dinheiro que outros órgãos, como o TJRN, tenham em caixa. Essa prática tem sido comum em vários estados brasileiros, mas não no RN.
O presidente do SINPOL-RN, durante a reunião com o governador Robinson Faria, declarou que é preciso que os outros poderes se sensibilizem e que tenham a consciência que o dinheiro que eles têm em caixa pertence ao Estado e, portanto, tem que ser usado para solucionar os problemas do Estado, como o pagamento dos servidores.
“Não podemos admitir que o presidente do Tribunal de Justiça vá para a imprensa dizer que não vai jogar dinheiro no lixo devolvendo para que o Estado pague os servidores públicos. Se o TJRN tem dinheiro em caixa sobrando, ele precisa devolver ao Executivo”, comentou Paulo César de Macedo.
O presidente do Sindicato ainda cobrou que o Governo do Estado publique decreto mostrando a frustração de receita para que a repactuação do duodécimo repassado aos demais poderes seja feita e, conseqüentemente, para que eles possam devolver os valores acima da receita que foram passados nos últimos meses.
Em sua fala, o governador Robinson Faria disse que a iniciativa dos sindicatos e associações é importante, bem como os demais poderes entenderem a situação do Estado e firmarem esse pacto. “Estamos em uma situação de crise nacional, inclusive, na próxima semana, vamos nos reunir com todos os governadores do Nordeste para irmos ao Governo Federal cobrar dele um tratamento mais justo com nossos estados, pois os repasses federais têm diminuído e afetado diretamente os orçamentos estaduais”.
O governador Robinson Faria informou ainda que está marcada para a próxima quarta-feira (26) a reunião entre ele e os presidentes dos demais órgãos, com propósito de se chegar a um entendimento que possa amenizar a situação.
REUNIÃO COM TCE
Também nesta segunda-feira, pela manhã, o SINPOL-RN e o Fórum dos Servidores Estaduais do RN tiveram reunião com conselheiros do Tribunal do Contas do Estado. Eles entregaram a cópia da carta feita para o governador. Os conselheiros também parabenizaram a atitude dos sindicatos e associações e se disseram solícitos ao pleito e afirmaram que vão estudar o documento que receberam para tratar sobre o tema com o Governo do Estado.

Na sexta-feira da semana passada, o Fórum já havia entregado o mesmo documento ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira. Ainda esta semana, a carta será entregue ao presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Cláudio Santos, e ao Procurador Geral de Justiça, Rinaldo Reis.

http://www.sinpolrn.org.br/

Share Button