O professor Amaral recebeu homenagem do ministro Aloizio Mercadante pelo bom desempenho da escola em 2015
O professor Amaral recebeu homenagem do ministro Aloizio Mercadante pelo bom desempenho da escola em 2015

A cidade de Cocal dos Alves, a 277 km de Teresina, ficou conhecida nacionalmente por acumular medalhas em olimpíadas escolares e bom desempenho dos alunos no Enem – Exame Nacional do Ensino Médio. E mostrando que o trabalho é contínuo, a história se repete e, desta vez, a Unidade Escolar Augustinho Brandão conseguiu a marca de 70% de aprovação dos seus alunos no Sisu- Sistema de Seleção Unificada-, o que garante uma vaga na universidade.

O resultado do Sisu foi divulgado ontem. É através do sistema eletrônico gerenciado pelo MEC que são selecionados os alunos para vagas em universidades públicas, de acordo com o desempenho no Enem.

Empolgada, a diretora da Unidade Escolar Augustinho Brandão, Aurilene Vieira de Brito destaca que neste ano foram 12 dos 16 alunos aprovados até agora. Eles irão ingressar em cursos como Direito, Engenharia Civil, Computação, Geografia, Matemática e Agronomia. “Preparamos o aluno durante todo o ano e não somente na véspera. Inserimos simulados desde o primeiro ano e intensificamos os testes”, explica, lembrando que em 2010 a escola chegou a 100% de aprovação.

Personagem de muitas reportagens e com honrarias recebidas pelo ministro da educação, o professor de matemática Antônio Amaral é um dos grandes personagens dessa história de sucesso da escola. Apesar de ser de exatas, o professor destaca que não existe uma fórmula para esses bons resultados. “Não existe uma fórmula, porque as variáveis podem até ser as mesmas, nos diferentes centros, mas com intensidades e com reflexos diferentes. Eu acredito que é possível em cada lugar que se descubra a maneira certa de fazer um bom trabalho, mas que não é característico só daqui, ou que tenha um segredo ou uma fórmula, mas que é possível fazer isso em qualquer escola ou ambiente”, frisa.

Contente com o resultado, o professor alega que tudo isso é fruto de um trabalho em conjunto e que não deve parar tão cedo. “Nós sabemos que é o reflexo do trabalho dos professores e pelo empenho da gestão. Temos ainda objetivos a alcançar, mas um resultado positivo como esse mostra que ainda podemos perseguir nossos objetivos e isso de certa forma dá um pouco de sustentação para este desejo, que nos alimenta. Nossa missão continua, que é a de viabilizar uma formação profissional pros alunos da nossa comunidade”, finaliza.

A estudante Maria do Carmo de Brito Sousa, de 17 anos, é uma das alunas que vai ingressar no ensino superior. Ela garantiu uma vaga para matemática e destaca que é preciso uma boa rotina de estudos para o bom resultado. “Eu saía de casa às 6 da manhã e voltava cinco e meia da tarde. Acho que se a pessoa se dedicar e focar num objetivo, com certeza terá recompensa. O segredo é estudar. Não estudar pouco, estudar muito”, destaca a jovem, que reconhece o trabalho em conjunto com a escola: “Tudo isso está acontecendo graças a esforço de cada um, do aluno, do corpo escolar e a preparação de todos para isso”.

No ano passado, a escola foi recordista em medalhas na Olimpíada Brasileira de Matemática (Obmep) e teve o melhor desempenho do país no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) entre as instituições que atendem famílias carentes. Na 10ª Obemep, os alunos conquistaram 93 medalhas, o maior número já conquistado no Brasil. Desde a sua fundação, a escola já conquistou mais de 150 medalhas e inúmeras menções honrosas. Anualmente, cerca de 70% dos alunos do Ensino Médio da escola é aprovado em vestibulares das universidades públicas.

escola_2

No ano passado, em homenagem ao dia do professor, a escola recebeu a visita do ministro Aloizio Mercadante, que reconheceu os esforços do corpo docente da escola com a educação e para mudar a realidade social da cidade.

escola_3

Outra estudante de Cocal aprovada é Franciele Brito. Ela participou do programa “Fala Candidato- o povo quer saber” da TV Cidade Verde no debate durante a campanha eleitoral de 2014. A escola também foi abraçada pela TV no especial do Dia do Piauí do ano passado numa homenagem as  conquistas na educação. 

escola_4

Diego Iglesias
Redacao@cidadeverde.com

Share Button